Travelex Bank
  • flag br
  • flag usa

Acesse seu Internet Banking

Acesse o nosso Internet Banking e faça suas operações de câmbio online.

Selecione o tipo de conta

Decisão da taxa básica de juros pelo Copom, promulgação da PEC dos Precatórios e indicadores de inflação são o foco das atenções do investidor nesta semana.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5,00/5 - 1 avaliações)
carregandoLoading...
Resumo de Mercado 29/04 - desktop

4 min de leitura

Por: Travelex Bank • 6 dez

Com sinais de que variante ômicron do coronavírus causa menos casos casos graves, mercado é aliviado e reage de maneira positiva nos EUA e Europa
Brasil

BRASIL
Decisão da taxa básica de juros pelo Copom, promulgação da PEC dos Precatórios e indicadores de inflação são o foco das atenções do investidor nesta semana.

Por Yuri Pasini – Trader Mesa Câmbio do Travelex Bank, seu banco 100% digital, 100% pessoal

Neste início de semana os investidores direcionam suas atenções para a decisão da taxa básica de juros pelo Copom na próxima quarta-feira. Também é aguardado pelo mercado nesta segunda-feira a promulgação da PEC dos Precatórios no Senado e de uma continuidade na abertura de espaço fiscal para o Auxílio Brasil. Nos negócios locais é esperado que a volatilidade no exterior seja a principal influência no mercado interno até que seja promulgada a PEC dos Precatórios.

Com a aprovação da proposta no Senado, abre-se um espaço de R$ 62,2 bilhões em 2022. Contudo, o limite de pagamento dos precatórios, que no texto original seria em 2036, foi alterado no Senado para 2026 e vinculando recursos ao programa social e despesas com seguridade social. Nos juros, o mercado aguarda a decisão do Copom na quarta-feira, bem como dos indicadores de inflação que sairão nesta semana. O mercado aposta em alta de 1,5 ponto percentual na Selic, com os investidores entendendo que a fraqueza na economia irá impedir reajustes mais agressivos na taxa básica de juros. O contrato futuro de índice Bovespa com vencimento para dezembro de 2021 era negociado em alta de 0,33% às 09h02 desta manhã, enquanto o dólar comercial negociava em baixa de 0,15% neste mesmo horário.

Mundo

MUNDO
Com sinais de que variante ômicron do coronavírus causa menos casos casos graves, mercado é aliviado e reage de maneira positiva nos EUA e Europa.

Por Yuri Pasini – Trader Mesa Câmbio do Travelex Bank, seu banco 100% digital, 100% pessoal

Em Nova York os índices futuros operam em alta nesta manhã, com exceção do índice futuro do Nasdaq. Tal alta reflete alívio dos investidores em relação à variante ômicron da Covid-19, que apresentou sinais de que causa menos casos graves da doença. Com a expectativa de aumento no ritmo de aperto monetário pelo Federal Reserve (FED), o Nasdaq futuro opera com alta volatilidade, devido à sensibilidade do setor de tecnologia em relação aos juros. Essa expectativa também pressiona o dólar sobre os rivais, que se mantém em viés de alta. Às 7h17, o futuro do Dow Jones subia 0,47%, o do S&P 500 ganhava 0,24%, mas o do Nasdaq caía 0,19%. O retorno da T-note de 2 anos subia a 0,619%, de 0,618% no fim da tarde de sexta; o da T-note de 10 anos recuava a 1,392%, ante 1,438%; e o da T-bond de 30 anos caía a 1,716%, de 1,754%. O índice DXY – que mede o dólar ante uma cesta de seis rivais fortes – subia 0,08%, a 96,194 pontos.

Na Europa as principais bolsas também negociam em alta, com investidores mais otimistas em relação à variante ômicron da Covid-19. Às 7h20, a Bolsa de Londres subia 0,77%, Frankfurt avançava 0,26% e Paris ganhava 0,52%. O euro caía a US$ 1,1303, ante US$ 1,1306 no fim da tarde de sexta-feira. A libra subia a US$ 1,3257, de US$ 1,3230.

Na Ásia as principais bolsas fecharam majoritariamente em queda nesta segunda-feira, com retorno das preocupações em relação à crise de liquidez do mercado imobiliário chinês, após a Evergrande anunciar possível dificuldade para pagamento de nova rodada de dívidas. Na China continental, Shangai cedeu 0,50%. No Japão, o índice Nikkei baixou 0,36%. Na contramão, o Kospi subiu 0,17% em Seul. O índice Hang Seng encerrou em baixa de 1,76% em Hong Kong. Já na Oceania, o S&P/ASX 200, de Sydney, subiu 0,05%. Às 7h22, o dólar subia a 113,21 ienes, ante 112,78 ienes no fim da tarde de sexta-feira.

______________________________________________________________________________________________________________________________

AGENDA DE EVENTOS 06/12/2021

BRASIL

BRASIL

08h25 BC: Relatório Focus – Semanal
10h00 Anfavea: Produção e venda de veículos – Nov
15h00 Economia/Secex: Balança comercial – Semanal

E.U.A.

E.U.A.

13h00 Diretora-gerente do FMI, Kristalina Georgieva, participa de coletiva de imprensa sobre panorama da zona do euro

Europa

EUROPA

08h00 França – Diretora-gerente do FMI, Kristalina Georgieva, discursa em Fórum de competitividade da OCDE
08h30 Reino Unido – Integrante do conselho do BoE Ben Broadbent discursa sobre panorama econômico e inflação
Bélgica – Eurogrupo realiza reunião

ÁSIA OK

ÁSIA

Sem destaque

Compartilhe esse post.

Preencha seus dados e receba as novidades do Travelex Bank

    Travelex Bank

    Somos o primeiro banco do país a operar exclusivamente em câmbio, aprovado pelo Banco Central do Brasil. Segurança, confiabilidade e conveniência são nossos diferenciais. No Travelex Bank, geramos negócios rentáveis e de valor.

    Travelex Bank

    Somos o primeiro banco do país a operar exclusivamente em câmbio, aprovado pelo Banco Central do Brasil. Segurança, confiabilidade e conveniência são nossos diferenciais. No Travelex Bank, geramos negócios rentáveis e de valor.