Acesse seu Internet Banking

Acesse o nosso Internet Banking e faça suas operações de câmbio online.

Selecione o tipo de conta

Cartão Corporativo

Veja o saldo e extrato do seu cartão corporativo

SALDO E EXTRATO

Como funciona a formação de preço para exportação

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
carregandoLoading...
Formação de preço para exportação

3 min de leitura

Por: Travelex Bank • 15 abr

Investir em um negócio internacional exige uma série de cuidados especiais. Vender seus produtos para mercados externos, consiste em entender o funcionamento de leis, tributações e, principalmente, formação de preços não só do Brasil, como também de outros países. Entenda quais são os principais cuidados e cálculos para definir o preço para exportação do seu produto ou serviço.

O que considerar na formação de preço para exportação?

É importante levar em conta alguns pontos em relação ao valor final da exportação. Antes de tudo, é preciso saber que existem deduções dos impostos COFINS, PIS, IPI e ICMS. Além disso, dependendo da mercadoria, leve em conta os custos de operações aduaneiras, taxa de capatazia, despacho aduaneiro, armazenagem, embalagem e outros gastos administrativos.

Também é preciso entender sobre os INCOTERMS (International Commercial Terms ou Termos Internacionais de Comércio, em tradução livre). Essas condições são padronizadas e abordam aspectos importantes do comércio internacional, por exemplo: quem será o responsável por pagar o frete ou pelo seguro da mercadoria e até mesmo onde a entrega será feita. Detalhes fundamentais para determinar o preço final do produto.

Tipos de transportes

A forma como a mercadoria será transportada pode gerar um custo adicional à operação. Determine se o produto será levado por via aérea, marítima ou terrestre. Dica: consulte o INCOTERM para entender o padrão de cada meio. 

Exportação direta e indireta

Há duas maneiras de realizar uma exportação. A primeira é a direta, em que a negociação é feita prontamente com o importador e por isso, não há custos adicionais envolvidos. A segunda forma é a indireta, na qual há mais gastos, já que é necessário um intermediador para a operação.

Como calcular o preço para a exportação?

Como calcular o valor da exportação

Por meio do Simulador de Preço de Exportação, oferecido pelo Governo Federal, é possível calcular o valor final do produto online.

Informações necessárias:
– Incoterm
– Preço total do produto no mercado interno
– Itens que compõem o valor final no mercado interno (ICMS, COFINS, PIS, embalagem, propaganda, entre outros)
– Componentes do valor no mercado externo (carregamento, transporte, contêiner, desembaraço aduaneiro, entre outros)
– Lucro esperado na exportação

Quais cuidados considerar na formação do preço da exportação?

Como forma de incentivar a prática da exportação, o Governo garante algumas deduções em impostos como IPI, PIS, ICMS e COFINS. Além desse cuidado, é preciso se atentar para não cometer erros bastante comuns no momento da precificação. Veja alguns exemplos:

– Fixar uma margem para variação cambial: É possível que você tenha como base a taxa do câmbio da cotação diária para fazer a conversão do valor da mercadoria. Tendo em vista o cenário atual do dólar, por exemplo, esse pode ser um erro grave. Você pode assinar o Alerta de Câmbio da Travelex Confidence ou também se cadastrar para receber, em seu e-mail, o Resumo de Mercado, feito diariamente por economistas do Travelex Bank. Assim, você se previne de oscilações e acompanha diariamente os principais indicadores relacionados ao câmbio.

– Diferenciar os custos que formam o preço da venda no exterior: Mais do que se atentar à conversão do valor da mercadoria, é preciso conhecer quais são os impostos cobrados e as exigências para a venda no país de destino do seu produto, principalmente no que se refere às embalagens.

– Conhecer sobre o mercado futuro de câmbio: O cuidado principal é em relação à data do pagamento da mercadoria. Como é uma operação internacional, você pode, por exemplo, receber o dinheiro em um dia em que o valor da moeda negociada tenha se desvalorizado frente ao real. Se isso acontecer, o orçamento da sua empresa pode ser prejudicado. Por isso, é importante conhecer algumas formas de proteção, como o mercado futuro de câmbio.

Aprofunde seus conhecimentos em hedge cambial, procure um de nossos especialistas em câmbio!
Fale com o nosso Comercial
11 3614 1123
Travelex Bank, o seu banco de câmbio.

Compartilhe esse post.

Preencha seus dados e receba as novidades do Travelex Bank

Travelex Bank

Somos o primeiro banco do país a operar exclusivamente em câmbio, aprovado pelo Banco Central do Brasil. Segurança, confiabilidade e conveniência são nossos diferenciais. No Travelex Bank, geramos negócios rentáveis e de valor.

Travelex Bank

Somos o primeiro banco do país a operar exclusivamente em câmbio, aprovado pelo Banco Central do Brasil. Segurança, confiabilidade e conveniência são nossos diferenciais. No Travelex Bank, geramos negócios rentáveis e de valor.